Fases 3 e 4: continuação da dieta para garantir um peso estável

Tempo de leitura: 7 minutos

1

Olá! Hoje vamos falar sobre uma parte muito importante da dieta: a Fase 3, a Fase 4, e como manter o peso estável nelas. Tenho recebido bastante perguntas sobre essas fases, e elas são tão ou mais importantes que a fase 2. É nesse período que garantimos que o peso se estabilize no nível desejado e reeducamos nosso corpo a lidar com a gordura da maneira certa.

2

O armazenamento de gordura é controlado por uma parte de nosso cérebro chamada hipotálamo. Como você já leu neste artigo, temos 3 tipos de gordura: a estrutural, a reserva natural e a gordura anormal. Quando se faz uma dieta comum, o corpo ataca primeiro as reservas de gordura estrutural e natural. A gordura anormal somente é acessada em último caso, e nesse ponto você já está muito fraco e desanimado para continuar na dieta.

É por isso que é tão difícil fazer outras dietas, e estabilizar seu peso quando ela termina. Assim que você para seu regime de alimentação e exercícios seu corpo faz questão de recuperar as reservas gastas. Elas são tipos essenciais de gordura e o corpo não consegue funcionar corretamente sem elas.

Já na dieta HCG, o objetivo é garantir que o hipotálamo processe somente a gordura anormal. Desta forma, seu corpo mantém a gordura estrutural, importantíssima para o bom funcionamento dos órgãos e tecidos, e a reserva natural. Assim você perde gordura de verdade, e consegue manter seu peso após o fim da dieta.

3

A fase 3 começa após a última dose de HCG, e dura 3 dias. Ela é simplesmente a manutenção por esse período do regime de 500 calorias. Ela serve para manter a perda de peso enquanto o corpo termina de processar e eliminar o restante do HCG que ainda está presente na corrente sanguínea.

Se fôssemos direto para a fase 4 após a última dose de HCG, o resíduo do hormônio que se mantém no sangue continuaria agindo na queima de gordura anormal. Isso faria com que a quantidade de calorias circulando no organismo aumentasse demais. Com mais calorias circulando, seria necessário fazer novos depósitos de gordura, e todo o trabalho da fase 2 seria perdido.

4

Ela começa logo após a fase 3 e dura 3 semanas. Você pode voltar a comer normalmente, mas deve ficar atento para evitar todos os tipos de amido e açúcar. Isso vale inclusive para aqueles escondidos em legumes e frutas.

Isso quer dizer que o cardápio tem proibições também, mas não tanto quanto o da fase 2. O que é ótimo, porque você ganha ainda mais variedade e opções deliciosas de refeições, além de não ter mais a restrição de porções. Você pode comer proteínas à vontade, além de estar liberado o consumo de certos tipos de gorduras. É o paraíso depois da disciplina férrea da fase 2!

Comendo à vontade

Sim, pode! Claro que isso não quer dizer que você pode se acabar no fast food ou na pizzaria (mesmo porque pão e massas contém amido!). Mas eu percebi uma coisa importante: depois da fase 2, você passa a se sentir mais cheio com menos comida. As porções que eu precisaria antes para me sentir satisfeita são bem menores do que eu precisaria antes da dieta.

Mas é importante não exagerar, ok? Pode voltar a comer porções normais de antes da dieta. Não devemos esquecer que é necessário ficar de olho no consumo de nutrientes necessários. Sempre é bom ter acompanhamento médico para verificar suas condições de saúde e garantir que seus níveis nutricionais estejam adequados.

Erros comuns na fase 4

Como eu já falei aí em cima, um dos erros mais comuns é achar que, para perder ainda mais peso, é melhor continuar com uma dieta de porções restritivas. Muito pelo contrário! Na dieta HCG, assim que você finaliza a fase 3, deve voltar a comer normalmente, só evitando açúcar e amido. Isso porque seu corpo precisa de tempo para redistribuir e eliminar a gordura que foi queimada rapidamente.

Nas fases 2 e 3, o HCG faz com que a gordura consumida “compense” a falta nutricional que a dieta impõe. Assim, apesar de comer somente 500 calorias, você não sente tanta fome. Seu corpo completa as calorias restantes com a queima das reservas anormais. Só que quando você para de tomar HCG, pimba! Não tem mais calorias extras. Por isso, se você continuar com a restrição, vai enfraquecer e ser obrigada a interromper a dieta… E ganhar todos aqueles quilinhos a mais de novo.

Outro erro comum é se manter em uma dieta com pouca variação, se concentrando no consumo de um tipo de fruta ou de queijo por exemplo. Vamos aproveitar! Agora que tem mais opção que na fase 2, não faz sentido ficar sempre comendo a mesma coisa, não é? Dá para variar bastante com os alimentos permitidos nessa nova fase.

Alimentos permitidos na fase 4

Na fase 4, basicamente tudo está liberado, menos açúcar e amido. É fácil dizer, mas saber a diferença é mais difícil. Por exemplo, pode parecer inocente voltar a comer pãozinho de manhã, mas ele é quase todo feito de amido, por ter farinha de trigo! Por isso, é proibido, assim como outros grãos e leguminosas, naturais ou processados. Também é necessário ficar de olho no teor de açúcar das frutas.

Outra coisa importante é sempre conferir os rótulos. Não se engane com a tabela de informações nutricionais dizendo que certo alimento ou bebida contém 0% de açúcar. As empresas geralmente dão essas informações baseadas em quantidade por porção. Aí que mora o perigo. Se você reparar, a porção de referência é minúscula. Claro que quanto menor a porção, menor a quantidade de nutrientes.

Por exemplo, na tabela nutricional de um pacote de biscoitos é informado que uma porção contém 2% de açúcar, ou que não contém quantidades significativas de gorduras trans. Mas a porção usada como base para medir é de apenas 1 biscoito. Se você comer, digamos, 5 biscoitos por vez, a quantidade de açúcar e gorduras trans consumida é multiplicada por 5. Você na realidade está consumindo 10% de açúcar e 4% de gorduras trans! Não é nada saudável…

Ao invés de olhar as informações nutricionais, fique de olho na lista de ingredientes. Geralmente eles são colocados proporcionalmente, do que é usado em maior quantidade para o menor. No Programa Balança Certa eu ensino, por exemplo, os 99 nomes que a indústria usa para “disfarçar” o açúcar nas embalagens – geralmente são mais de 3 tipos diferentes num mesmo produto!

Acompanhando seu peso

É necessário ficar de olho e continuar se pesando todos os dias de manhã, assim que acordar. Dessa forma, você pode acompanhar caso houver alguma flutuação no seu peso, como algum aumento importante ou se você parou de perder peso.

Na fase 4, a perda é menos acentuada que nas fases 2 e 3, mas precisa continuar a ser constante. É aqui que seu organismo realmente está se recuperando do acúmulo de gordura anormal. Sem o acompanhamento firme do seu peso não tem como você saber se o processo está acontecendo corretamente. Lembre que o Dr. Simeons avisa que não adianta tentar “adivinhar” seu peso pelas roupas: você pode recuperar até 4 quilos antes de sentir que a calça voltou a apertar. Então nada de ir pelo “olhômetro” hein 😉

Enfim, como você pode ver tem bastante coisa né? Mas na verdade é bem simples na prática. Planejamento e disciplina são as palavras de ordem. Tenha em mente o corpo saudável – e magro – que você sempre sonhou, e que vai conseguir em poucas semanas.

Eu sei que não é fácil e eu mesma sofri bastante quando fiz a dieta, por isso decidi criar o Programa Balança Certa para poder ajudar quem está fazendo ou pretende fazer a dieta. Você vai ter acesso a um grupo secreto no Facebook para tirar dúvidas, além de receber sugestões de cardápios e planejamento para cada fase, e muitas outras informações.

Claro que se tiver alguma pergunta ou dúvida, pode ficar à vontade para comentar aqui. Se quiser compartilhar sua experiência com a Dieta HCG ou outras dietas pode ficar à vontade também! Vou adorar ler seu comentário e conhecer sua história.

Um ótimo fim de semana, e muitos beijos!

LovLud

Vida saudável com o HCG

Comentário

comments