Veja 10 fatos sobre intolerância e alergia alimentar:

1. Alergia alimentar e intolerância são coisas diferentes

Na alergia alimentar há uma resposta imunológica, ou seja, o organismo cria anticorpos, como se o alimento fosse um agente agressor. Quando a pessoa ingerir novamente esse alimento, provavelmente o sistema imune irá liberar anticorpos e histamina, provocando assim os sintomas da alergia.

Já na intolerância, há uma dificuldade na digestão de determinado alimento, pois o organismo desenvolveu uma incapacidade de metabolizar um alimento por deficiência ou ausência da enzima necessária para isso.

Os sintomas são principalmente gastrointestinais. Neste caso, você pode manifestar sintomas já na primeira exposição ao alimento e a intensidade dos sintomas pode variar de acordo com a quantidade de alimento ingerido. Ou seja, quanto mais comer o que faz mal, pior.

2. Intolerância é mais comum que alergia alimentar

Reações físicas à comida são comuns. Quase sempre trata-se de intolerância, e não de alergia. A intolerância alimentar é uma doença que atinge entre 50% e 60% da população mundial.

Mas, como os sintomas apresentados podem ser muito semelhantes à alergia, acaba sendo mais complicado descobrir a origem dos sintomas o que pode atrasar o diagnóstico.

Veja também: Conheça a diferença entre alergia e intolerância alimentar

3. Qualquer pessoa pode ter intolerância

A intolerância pode afetar qualquer indivíduo sem história familiar, acometendo mais crianças maiores e adultos jovens.

Já as alergias alimentares são mais comuns na infância e tem um caráter genético, podendo surgir em vários membros da mesma família.

alergia alimentar

4. Ambas não tem cura

No caso das alergias, se descoberta no início os danos à mucosa intestinal podem ser revertidos após 6 meses até 2 anos de dieta isenta do alimento que você tem alergia e voltam a ocorrer caso a pessoa ingira o alimento.

No que diz respeito ás intolerâncias alimentares, até existem alguns casos transitórios, mas geralmente não há cura, pois se trata de um problema referente à falta de uma enzima que a pessoa não produz.

Veja também:

Porque as crianças estão nascendo alérgicas?

Por Que Estão Nascendo Tantas Crianças Alérgicas?

Boa Forma Com Dieta HCG Em Apenas 40 Dias!

5. Você pode ter intolerância e não saber

A mais comum de todas as intolerâncias, a intolerância à lactose, é mais comum que ocorra de forma lenta, onde o organismo vai diminuindo a capacidade de produzir lactase e os desconfortos comecem a surgir. Isso pode ocorrer somente na fase adulta.

Porém, a intolerância pode ter sintomas muito variáveis ou ser totalmente assintomática. Isso quer dizer que, você não sente nada, nenhum desconforto, porém deve ser tratada do mesmo jeito para evitar complicações.

6. Complicações caso você não trate da intolerância

Caso você ignore os sintomas ou seja um paciente assintomático, saiba que existem algumas complicações muito sérias decorrentes da falta de cuidado com as intolerâncias.

Dentre as possíveis complicações que podem causar estão: câncer de intestino, osteoporose, baixa estatura e comprometimento do sistema nervoso, como convulsões, epilepsia e transtornos de humor, como depressão, por exemplo.

7. Alergia alimentar é uma doença séria

Diferentemente das intolerâncias, que podemos abrir exceções e consumir o alimento, na alergia alimentar, não podemos nem pensar em consumir os alimentos, pois a ingestão destes podem levar á reações sérias e fatais – a exemplo do edema de glote, inchaço que faz cessar a respiração.

Não tem jeito. Ou faz a dieta direito ou vai ter uma grande chance de desenvolver um câncer. Não é brincadeira.

8. Fatos importantes sobre alergia ao glúten

A alergia ao gluten ou doença celíaca é considerada uma doença autoimune e é muito séria. Os cuidados e a atenção aos detalhes devem ser redobrados. Por exemplo, quando você possui essa alergia (ou qualquer outra) é essencial que você lave bem os alimentos e as mãos antes de comer.

Pense no preparo dos alimentos, não é todo lugar que você vai poder comer, por exemplo, comer fora de casa se torna bem complicado, inclusive na casa de amigos. Não coma em restaurantes que não são “gluten free” de verdade.

alergia alimentar

Praticamente toda a comida da rua (restaurantes/lanchonetes) tem contaminação com glúten. Leia tudo. É muito importante que você leia os rótulos alimentares sempre, pois é obrigatório por lei que ele contenha a informação “contém ou não contém glúten”.

9. A intolerância pode aumentar seu peso

A intolerância não é perigosa. Causa desconfortos digestivos, como cólicas, gases, diarreias e náuseas. Se o foco do problema é eliminado da dieta, os incômodos somem. Porém, são conhecidos também outros sintomas, como a retenção de líquidos e obesidade.

Portanto, muitas vezes, a dificuldades para emagrecer vem do fato de que você possa ser intolerante. É muito importante que você solicite ao seu médico exames para um diagnóstico correto.

10. Dá para comer o que causa a intolerância

Na alergia é essencial banir totalmente o agente causador, porém em algumas intolerâncias é possível mantê-lo em pequenas porções, sem problemas maiores. Porém, é preciso descobrir, usando o método de tentativa e erro, o limiar de aceitação do organismo e evitar ultrapassá-lo.

A exceção é a intolerância ao glúten, pois aí a restrição precisa ser total, pois o consumo dessa proteína por quem não a digere bem podem causar diversas complicações como dito anteriormente.

Já para quem possui intolerância à lactose, podem ingerir cápsulas para repor a enzima lactase. Porém, não é algo para ser ingerido todo dia, mas sim para dar à pessoa a chance de consumir lactose de vez em quando, quando tiver algum compromisso social, por exemplo.

alergia alimentar

Faça parte da corrente do bem do Balança Certa, e fique de olho em todas as atualizações e dicas do site para receber mais dicas de saúde como esta.

Abraços e até a próxima

LovLud

10 fatos sobre intolerância e alergia alimentar
5 (100%) 2 votes

Nenhum comentário para "10 fatos sobre intolerância e alergia alimentar"

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    WhatsApp chat