A massa magra é composta por músculos, órgãos vitais, ossos e líquidos corporais. Já o ganho de massa muscular desempenha um papel muito importante no metabolismo, pois auxilia na queima de calorias.

Então, se um individuo aumenta a sua massa muscular, ele passa a gastar mais calorias em repouso. Ou seja, quanto mais músculos no corpo você tem, mais calorias o organismo queima, e maior o seu metabolismo basal.

A massa muscular, além de definir o corpo deixando as pessoas musculosas, também tem a função de prevenção da osteoporose. Uma doença que se caracteriza pela diminuição de massa óssea, com o desenvolvimento de ossos ocos, finos e sensíveis, sendo mais fáceis de sofrerem fraturas.

Se você tem mais de 30 anos, a probabilidade é que a sua quantidade de massa magra comece a diminuir e a massa magra funciona como um estímulo para evitar fraturas e evitar a diminuição da densidade óssea.

O ganho de massa muscular é um processo lento e ocorre de forma graduada, ou seja, é preciso ter paciência! Porém, muitas pessoas acabam cometendo erros que atrapalham muito esse ganho e acabam sentindo muita dificuldade nesse processo.

1º erro no ganho de massa muscular: Treino inadequado

O treino para a sua necessidade precisa ser diferenciado, deve ser elaborado por um profissional de educação física e feito exclusivamente para você de acordo com as necessidades do seu corpo.

ganho de massa muscular

A partir do momento em que você tem um treino montado, é importante observar a carga correta para execução, além do tempo de descanso entre os intervalos de exercício. Pois esses são fatores que irão influenciar no seu ganho de massa muscular de forma correta.

Veja Também: 6 Exercícios para Emagrecer

Outro ponto importante é não exceder o tempo na academia, muito menos diminuir. É preciso ter um ponto de equilíbrio, pois treinar em excesso não irá auxiliar no ganho de mais músculos, podendo até comprometer a sua saúde em casos extremos. Assim como faltar toda semana e não comparecer o total de dias combinados com seu treinador também irá atrapalhar.

2º erro: Consumo inadequado de proteína

Existem dois tipos de erros comuns: o consumo baixo de proteína e o consumo exagerado. O consumo baixo irá atrapalhar o ganho de massa muscular e o consumo exagerado não fará você ter mais resultados. Pois o excesso de proteína é excretado pelo organismo, podendo ainda causar sobrecarga da função hepática e renal (devido a um excesso de produtos resultantes da digestão proteica como o ácido úrico), e desidratação.

Os músculos são essencialmente constituídos por proteínas e quando fazemos atividade física, a recomendação de proteína diária aumenta variando de 1,6 a 2,0 g/kg de peso/dia para quem deseja aumentar a massa muscular.

O mais adequado é você fracionar durante ao dia essa quantidade, ingerindo proteína em todas as refeições e não apenas no almoço e no pós-treino.

3º erro: Consumo inadequado de carboidratos

 O carboidrato também é importante para o ganho de massa muscular, pois ele é o principal nutriente fornecedor de energia. Porém, uma quantidade excessiva de carboidratos pode dificultar, pois quando excedemos a quantidade diária recomendada, ele é metabolizado como gordura pelo corpo.

Além da quantidade adequada de carboidratos, é necessário também escolher as melhores fontes. Os complexos são os mais recomendados, pois evitam um pico de insulina muito alto.

Veja Também: Saiba Mais sobre a Alimentação Pré e Pós-Treino

4º erro: Consumo inadequado de gorduras

Um erro muito comum para quem começa a treinar é restringir totalmente o consumo de gordura. As gorduras são tão importantes para a saúde e massa muscular quanto os carboidratos e proteínas. Afinal, elas estão dentre os nutrientes essenciais para o funcionamento adequado do metabolismo.

ganho de massa muscular

As gorduras quando consumidas com moderação, afetam positivamente nos hormônios e participam na síntese de produção celular, processos que auxiliam a hipertrofia. A ausência de gordura aumenta o nível de cortisol e diminui o nível de testosterona, o que dificulta a hipertrofia.

Porém, deve-se consumir apenas as boas fontes de gorduras, excluindo da sua dieta as fontes ruins, como por exemplo, óleos vegetais, margarina e gorduras industrializadas.

5º erro: Consumo baixo de água

A água é responsável por cerca de 70% do nosso peso corporal e possui inúmeras funções essenciais para o nosso organismo. A recomendação básica é que bebamos 2 litros de água por dia. Porém, essa quantidade aumenta de acordo com sua rotina diária, alimentação e treino.

Um baixo consumo de água, pode afetar seu treino, pois durante um esforço físico o corpo produz mais energia. Essa energia gera calor que consequentemente aumenta a temperatura corporal.

Devido à transpiração, o corpo elimina basicamente água e sódio. Se a atividade for realizada por um período longo sem hidratação adequada, o risco de desidratação aumenta, diminuindo sua performance com fadiga, dores musculares, elevação da frequência cardíaca e diminuição da tensão arterial.

É aconselhado que nos dias de treinos longos e intensos o consumo de água seja maior do que o habitual. Durante o exercício o consumo recomendado varia entre 230-300ml a cada 10-15 minutos. E após o treino, é fundamental que você continue a reposição hídrica auxiliando assim a recuperação muscular.

6º erro: Sono inadequado

Um erro bastante comum é o curto tempo de sono. O sono desempenha um papel vital para o ganho de massa muscular, ajudando diretamente no processo de recuperação muscular.

O hormônio do crescimento – GH – é produzido pela hipófise (glândula localizada no cérebro), principalmente durante o sono. Esse hormônio está relacionado diretamente com a recuperação e construção muscular, sua deficiência pode afetar a função física, reprodutiva e imunológica.

ganho de massa muscular

Por isso, tão importante quanto o treino adequado e consumo correto dos nutrientes e água, o sono é fundamental para o processo de hipertrofia. É recomendado dormir em média de 7 a 9 horas de sono por noite, sabendo disso, estabeleça um horário para dormir.

 Agora que você já aprendeu quais são os maiores erros cometidos, reflita o que você possa estar errando e faça acontecer!

 

Foque no seu objetivo e lembre-se que cada pessoa tem um ritmo para o ganho de massa muscular. Não desista!

Até mais!

LovLud

Principais Erros Que Atrapalham O Ganho De Massa Muscular
5 (100%) 3 votes

Nenhum comentário para "Principais Erros Que Atrapalham O Ganho De Massa Muscular"

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    WhatsApp chat