Os seios excessivamente grandes te incomodam e provocam dores? Saiba como funciona e os benefícios do procedimento de redução das mamas.

A proporcionalidade das mamas em relação ao corpo é um aspecto central na autoestima feminina, sendo que seios pequenos ou muito grandes podem igualmente incomodar. Para o caso de seios grandes um procedimento possível é a mamoplastia redutora.

Essa cirurgia estética também atende demandas de saúde, pois o tamanho dos seios pode estar relacionado com problemas funcionais para nós mulheres. O foco do procedimento é a redução do tamanho da mama, tornando-a mais proporcional, firme e leve, a final a gente merece!

Sempre tento ser o mais imparcial possível nos artigos, porém não posso me calar já que tenho em mim a prova viva do ‘exagero da moda’ das próteses gigantes. Sei que não parece tão grande…mas é sim.

 

Antes do meu filho Zuriel nascer meu peito era inexistente nesta galáxia, aí resumindo: ele nasceu, mamou tudo que tinha que mamar e deixou duas “meias murchas sem pé” no lugar onde antes nada tinha.

Veio a moda do peitão e eu fui na onda e coloquei 550ml de cada lado. Lindo, maravilhoso e extremamente doloroso. Hoje 12 anos depois minhas costas ainda doem e meu sonho é voltar a ‘estaca zero’ em mim. Sonho com a liberdade de ser despeitada e me livrar de 1.100 só de peito, que alegria!

Você possivelmente está rindo e me chamando de exagerada, né? Quer fazer o teste gata? Vamos então ao tutorial para ver se tú é “macha” de aguentar 550 ml de cada lado (e vou facilitar um pouco para você).

O que te dá mais prazer? O conforto ou a estética? Escolha de forma consciente.

View this post on Instagram

O que eu faço para ter um corpicho bacaninha? Umas horas foco na dieta… Outras chuto a jaca com os 2 pés… Uns dias sou a psicopata da academia… Depois fico dias sem pisar nela… Uns dias amo meu espelho… Em outros acho que ele está me dando azar… Uns dias acho que o céu azul é incrível… Em outros eu queria que ele fosse verde… Ou seja: sou uma mulher normal que tenta acertar 80 por cento para ter 80 por cento do resultado. Mas nunca sou das que faz 20 por cento e reclamo que não tenho 100, nada de choro e sem mi mi mi. Não sou neurótica de nada e se vc me ver numa pizzaria vai pensar que eu nunca fui gorda (como com força). Sou intensa e faço tudo assim… nível máximo mesmo. Só que é daquele jeito…se estou lá podes crer que estou lá mesmo. Dai acho que meu segredo mesmo…é ter um botão do FODA-SE bem pertinho do botão do SE TOCA, sabe? Erro? Opiviuuu… mas não me nego de informação de qualidade e quando acerto… tenho certeza que estou fazendo certo. Simples assim!!! #foconoobjetivo #semfoco #amomalhar #chegadeacademia #amoalface #amopizza #eassimvai

A post shared by Ludmilla Pessotti (@ludmillapessotti) on

 

Tutorial “eu aguento um peitão”:

INGREDIENTES

  • Pegue duas garrafinhas de 500 ml de água mineral;
  • Pegue um barbante bem grosso;
  • Tesoura;
  • Toalhinha de mão.

COMO FAZER

  • Pegue as duas pontas dos barbantes e amarre cada ponta em uma garrafinha de água;
  • Corte o excesso com a tesoura;
  • Coloque a toalhinha de mão atrás do seu pescoço;
  • Pendure as garrafinhas em você como se fosse um colar, com as 2 garrafas para frente para que você sinta o peso de 500ml de cada lado e vai viver sua vida;
  • Me diga nos comentários por quanto tempo você aguentou o esquema.

Conheça a seguir quais os problemas podem ser relacionados ao excesso de mamas e como a mamoplastia redutora é realizada.

Quais os problemas relacionados aos seios grandes?

Muitas mulheres têm a ideia de que seios fartos são sempre bem-vindos, mas a realidade não é bem assim e é comum a opção pelo procedimento de redução das mamas com objetivos estéticos e também funcionais.

Ficam lindos? Sim com certeza…

Mas somente em ótima forma. Nessa foto eu estava gorda e com silicone. A gente fica mas gorda ainda…

 

Na questão da saúde, os seios grandes podem ser responsáveis por distúrbios posturais e dores intensas na coluna devido ao peso, como te contei que acontece comigo. Para piorar pode ainda resultar em uma postura corcunda e prejudicial à saúde. Outra questão é em relação às alças dos sutiãs que podem causar machucados e escoriações nos ombros e costas.

Além dos problemas relacionados à saúde, seios excessivamente grandes também podem causar vergonha e baixa autoestima, com dificuldade de encontrar roupas que vestem bem. Eu por exemplo se engordo 5 quilinhos fico com a cara da ‘tiazinha da Itália” com aquele estilo de “matrona” sabe? (estou colocando meu coração aqui- se você rir vou orar para DEUS não te castigar) kkkkkkkk

Com isso, o tamanho ideal de seio é aquele com o qual você se sinta confortável e com autoestima, além de não ter problemas de saúde decorrentes dessa condição.

Para minimizar os problemas relacionados com os seios muito grandes indica-se o uso de sutiãs adequados, que sejam bastante firmes e confortáveis. Mas, além dessa opção a mulher pode optar por uma mamoplastia redutora. Partiu?

5 dicas para você escolher a melhor dieta para você

Pilates emagrece! Saiba como

Como é realizada a mamoplastia redutora?

A cirurgia para redução das mamas é um procedimento comum, mas que exige a especialização do cirurgião plástico responsável para garantir resultados mais satisfatórios e melhor alinhamento com as expectativas da paciente. Estou à procura do meu médico, se você foi feliz nesse procedimento, por favor me fale o nome do seu cirurgião nos comentários?

Mulheres com mamas fartas, normalmente, tem uma grande quantidade de tecido adiposo e é justamente esse excesso que é retirado durante a mamoplastia redutora com o objetivo de torná-las mais leves, proporcionais e firmes.

A quantidade de tecido, glândulas e pele que serão retirados dependem do tamanho dos seios antes do procedimento e do tamanho desejado. Os resultados alcançados são diretamente influenciados por esses fatores.

Para a realização da mamoplastia pode-se usar a anestesia local com sedação assistida, no entanto, o médico responsável pode optar também pela anestesia geral, evitando que a paciente sinta qualquer tipo de desconforto durante a realização da técnica.

Apesar de o procedimento ser realizado, normalmente, em mulheres após os 35 anos de idade, ele pode ser feito também em pessoas mais jovens que estejam incomodadas com o excesso das mamas, assim, a idade mínima costuma ser de 16 anos.

Cicatriz e recuperação

A incisão realizada é influenciada pelo tamanho das mamas e quantidade de tecido que será retirado. É comum o cirurgião plástico optar pelo “T” invertido ou “L” devido a cicatriz mais discreta que é obtida, mas existem outras incisões que podem ser preferíveis para o caso, de acordo com a indicação médica.

A paciente precisará ficar cerca de 12 horas internada, considerando que o procedimento tem duração aproximada entre 2 e 3 horas de acordo com a extensão das alterações realizadas.

O processo de cicatrização costuma ser tranquilo, dependendo bastante da genética da paciente e de um repouso adequado no pós-cirúrgico. Nas primeiras 24 horas deve-se utilizar curativos adaptados e uma microporagem da cicatriz por mais tempo. Indica-se ainda o uso do sutiã para pós-operatório por 30 dias.

É fundamental que para alcançar os resultados esperados com a mamoplastia redutora a paciente siga corretamente as indicações médicas para a recuperação. Ela deverá ficar, ao menos, um mês afastada de atividades mais intensas, como a academia.

As sessões de massagem linfática com fisioterapeuta também são indicadas com o objetivo de reduzir o inchaço e remodelar as cicatrizes, deixando-as mais discretas.

Os resultados vão variar do pós-cirúrgico imediato, que se observa no primeiro mês, até o período tardio, que consiste no intervalo entre um ano e um ano e meio após o procedimento e é a época na qual será possível visualizar melhor os resultados definitivos da técnica.

O que fazer quando o implante mamário foi excessivo?

Conversando com uma renomada cirurgiã, que infelizmente não atende no meu estado, descobri que o meu caso não é o único, e que não é incomum que, com o desejo de ter seios maiores, as mulheres optem por implantes mamários grandes demais e, apenas após a realização do procedimento estético, perceba que os seios grandes podem prejudicar a sua saúde ou mesmo não apresentar a aparência desejada.

Para esses casos é indicada uma cirurgia de revisão na qual o cirurgião plástico faz a alteração da prótese mamária por uma que apresenta um tamanho mais proporcional e satisfatório para os anseios da paciente. Destaca-se que nesse caso não é necessário retirar o tecido adiposo e glandular das mamas.

A incisão para a troca do silicone pode ser realizada em cima da cicatriz resultante do primeiro procedimento, mas essa confirmação só poderá ser realizada pelo cirurgião plástico após a avaliação do caso.

Caso seja necessário submeter-se a uma cirurgia de correção, a paciente deverá realizar novamente o pré-operatório, com a realização dos exames clínicos necessários, e também terá que repousar adequadamente no pós-cirúrgico para que os resultados sejam como desejados.

A cirurgia plástica deve ser realizada com um profissional de confiança e com especialização na área, garantindo resultados mais satisfatórios e menores chances de ter que refazer ou corrigir o procedimento. A mamoplastia redutora é indicada para diferentes casos, converse com o seu cirurgião plástico.

Quando eu encontrar meu cirurgião, vou te deixar a par de tudo, vou gravar o meu antes e depois, fazer entrevistas com o cirurgião, mostrar minha recuperação e muito mais para que você possa estar segura na hora de fazer a sua cirurgia também, combinado?

Se este assunto te interessou dá um 5 estrelas aqui em baixo que este é o indicativo que devo continuar fazendo conteúdos assim. Aqui no Balança Certa quem manda é você minha gatona! Ah..e por favor, compartilhe, comente e me ajude a levar o Balança nas alturas!!!

Bora juntas!!!

Tudo que você precisa saber sobre mamoplastia redutora
5 (100%) 1 vote

2 comentários para "Tudo que você precisa saber sobre mamoplastia redutora"

  1. Paula Celia de Ramos disse:

    Parabéns,com peitão ou peitinho vc,vai continuar gata,adorei o artigo,mas meu foco agora é o HCG,preciso urgente!!
    Partiu dieta.
    Bjs.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp chat