Muitas pessoas ainda têm dúvidas sobre as diferenças entre as dietas vegetariana ou vegana. As dietas vegetarianas já existem desde o ano 700 a.C. Enquanto as veganas são um pouco mais recentes e recebem bastante destaque na mídia.

Existem várias razões para que as pessoas possam adotar estes dois estilos de vida: saúde, ética, preocupações com o meio ambiente ou religião.

Porém, são dois estilos diferentes. Vamos mostrar as 3 principais diferenças entre a dieta vegetariana e vegana, assim como elas afetam sua saúde e o meio ambiente.

O que é uma dieta vegetariana e vegana?

Primeiro, vamos ao conceito de dietas vegetariana e vegana. Um vegetariano é alguém que não come nenhuma carne bovina, de porco, aves, peixe, moluscos e subprodutos de abate de animais.

A dieta vegetariana é rica em frutas, legumes, grãos, legumes, nozes e sementes. A inclusão de laticínios e ovos depende de cada pessoa. Existem também aqueles que não comem carne ou aves, mas consomem peixe.

Já a dieta vegana pode ser definida como uma forma mais estrita do vegetarianismo. É definido como um modo de vida onde a pessoa tenta excluir todas as formas de exploração de animais, que vai além da alimentação.

Apesar de serem bem parecidas, existem alguns conceitos que os separam. Ambas possuem benefícios para a saúde, como a redução do colesterol e da pressão sanguínea. Assim como a redução do risco de desenvolvimento de doenças crônicas, como diabetes, câncer e doenças cardíacas.

Afinal, quais são as diferenças entre as dietas vegetariana ou vegana?

1. Veganos não consomem nenhum tipo de produto de origem animal

A dieta vegana não só exclui as carnes, mas também laticínios, ovos e ingredientes derivados de animais, como: gelatina, mel, pepsina, soro de leite e outros.

Essa é considerada a principal diferença, já que a dieta vegetariana é aceitável o consumo de subprodutos de origem animal, como ovos e leite. Já os veganos acreditam que os animais têm o direito de estar livres do uso humano.

2. Veganos boicotam industrias que utilizam animais

Os veganos são considerados mais “radicais” que os vegetarianos. Eles também evitam comprar vários itens que contém origem animal em sua produção. Um exemplo são roupas feitas de seda, lá, couro ou camurça.

Além disso, muitos veganos boicotam empresas que testam seus produtos em animais e só compram cosméticos livres de subprodutos animais e com o selo Cruelty Free.

Veganos também tendem a evitar circos, zoológicos, rodeios, corridas de cavalos e quaisquer outras atividades que envolvam animais para uso de entretenimento.

3. A dieta vegetariana possui mais classificações

Ao contrário da dieta vegana, que exclui completamente o uso de produtos de origem animal. A dieta vegetariana possui outras classificações, que podem ser classificados em três grupos:

  • Ovo-lacto-vegetarianos: Não consomem carne, mas o consumo de ovos e laticínios é liberada.
  • Lacto-vegetarianos: Não consomem carne e nem ovos, mas consomem produtos derivados do leite. É uma dieta comum na Índia, por exemplo, por estar ligada a questões religiosas.
  • Vegetarianos estritos: Parecidos com os veganos, não consomem nenhum tipo de carne, ovos ou laticínios, por acreditarem que estes prejudicam os animais.

Veja Também:

Boa Forma Com Dieta HCG Em Apenas 40 Dias!

A dieta vegana também é classificada como uma dieta vegetariana, porém o conceito passa do campo da alimentação e se torna uma ideologia para quem segue este estilo de vida.

Escolher entre ser vegetariana ou vegana depende muito do estilo de vida que deseja seguir. Existem diversas práticas e semelhanças, porém, ao seguir o estilo vegano, saiba que ele não se restringe somente a alimentação.

No entanto, é importante quem segue a dieta vegetariana ou vegana planejem bem suas dietas para evitar problemas de saúde a longo prazo por alguma deficiência proteica ou outro problema. Para isso o suporte de um nutricionista é fundamental.

Vegetariana ou vegana não importa, mas não é tão difícil ser assim…

Se quiser ser vegetariana ou vegana aproveitam o melhor dos mundos…

Se parar para pensar mesmo, dá uma vontade de ser vegetariana ou vegana…

vegetariana ou vegana

FOTO: INSTAGRAM

Ainda mais quem tem animais em casa e sabe o amor que sentimos pelos bichinhos. Eu tentei por 30 dias não comer carnes e para meu espanto eu consegui. Não pregamos extremismos, muito menos queremos te fazer sentir mal, nada disso, é apenas um novo olhar, um novo prisma. Quem sabe você faz um teste e se sinta bem com isso.

Você é ou já tentou ser vegetariana ou vegana? Nos conte sua experiência, amamos saber mais sobre você!

Vegetariana ou Vegana: Descubra as 3 Principais Diferenças
5 (100%) 2 votes

4 comentários para "Vegetariana ou Vegana: Descubra as 3 Principais Diferenças"

  1. IARA FONSECA disse:

    Sou Vegana desde 2012 e posso afirmar categoricamente que não tive nenhum problema de saúde por conta disto. Engana-se muito quem afirma o contrário. A ingestão de produtos de origem animal não traz os benefícios preconizados, mas sim, desenvolvimento de varias doenças, inclusive o câncer. Pesquisem trabalhos científicos e verão que é fato verídico. Além do que, não contribuir para o sofrimento animal, para conservação do planeta e ser saudável é o melhor que podemos fazer em nossas vidas. “GO VEGAN”!

    • Equipe Balança Certa disse:

      Isso mesmo gatona! O veganismo tem estado em destaque em diversos estudos e sim, é uma prática com inúmeros benefícios á saúde quando bem executada. A alimentação vegana, assim como qualquer outra deve ter variedade alimentar para que possamos nutrir nosso corpo! bjãooo

  2. Cristina disse:

    Eu sou vegetariana ovolacto. E quero muito ser vegana. Mas todos tem seu tempo… Acho que é o melhor modo de vida para todos terem uma vida saudável

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp chat